Atividade de professor deve ser considerada especial.


No Brasil as atividades sujeitas a agentes especializantes (perigosos ou insalubres) autorizam a aposentadoria com menos tempo.

* Obs.: antigamente havia profissões consideradas especiais (perigosas, insalubres ou penosas).

Ocorre que por vezes a pessoa trabalhou em profissões especiais por algum período, mas em outras épocas trabalhou em atividades normais. Como fazer então? A Lei autoriza a pessoa a pegar o período que trabalho em atividade especial e converter em normal. Como isso funciona? É só somar o percentual que a lei determina, por exemplo, a lei fala que a atividade de médico é insalubre e que a pessoa tem direito a contar 40% a mais de tempo, caso tenha trabalhado como médico por parte de sua vida. Assim, o médico que trabalhou 10 anos (10 anos como insalubre, já que médico é insalubre), deve contar 14 anos e não 10. Assim, aquele que trabalhava em uma atividade normal – vendedor, por exemplo – por 20 anos e que depois trabalhou como médico por mais 10 anos, não terá 30 anos de contribuição, mas sim 34 anos de contribuição.

Atualmente a atividade de professor não é mais considerada especial. Até 08/07/1981, porém, todos que trabalharam como professores tem direito de considerar o trabalho como insalubre. É assim que decide a Justiça. Veja:

6.A atividade de professor era considerada especial, em razão da penosidade, até o advento da Emenda Constitucional nº 18, de 08/07/1981, de modo que só pode ser convertida em tempo de serviço comum se prestada até a data da publicação da referida emenda.

(Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Processo: 5016238-60.2010.4.04.7000)

6.A atividade de professor, prestada antes da edição da Emenda Constitucional n.º 18/81, deve ser considerada como penosa, nos termos do Decreto n.º 53.831/64, o que autoriza a averbação do tempo como especial e sua conversão para tempo comum.

(Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Processo: 5002728-32.2014.4.04.7002  UF: PR)

 

Entendeu? Aquele que era professor até 08/07/1981 pode considerar esse trabalho como especial, porque era considerado penoso. Isso causa o aumento do tempo de contribuição.

Gostou do tema, consulte outros.

APOSENTADORIA DE PROFESSOR ESTATUTÁRIO NO PARANÁ

PROFESSOR TEM DIREITO A APOSENTAR-SE COM 100% (SEM FATOR PREVIDENCIÁRIO)

Marcelo Martins
OAB/PR 35732.

Caso tenha alguma dúvida ou comentário, clique no botão abaixo.

 

Anterior Professor tem direito a aposentar-se com 100% (SEM FATOR PREVIDENCIÁRIO)
Próximo Serviço Militar conta para aposentadoria

Sugerimos que leia:

REVISÃO DE APOSENTADORIA PARA ATIVIDADES CONCOMITANTES (pessoas que contribuíram no mesmo período em duas funções)

PERÍODO DE APRENDIZADO PROFISSIONAL deve ser considerado na aposentadoria por Tempo de Contribuição.

Bolsonaro pode roubar sua aposentadoria? Devo correr para me aposentar?

Suspensão indevida do Benefício Previdenciário gera dano moral